terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Microsoft encerra o suporte básico ao Windows Seven


A partir desta terça (13/01/2015), o sistema não recebe novas ferramentas e até 2020, apenas atualizações de segurança serão feitas. Depois de 2020 o sistema estará "morto".

 Microsoft encerra nesta terça-feira (13) o suporte base para o Windows 7, o sistema operacional mais usado em computadores e notebooks de todo o mundo, segundo dados da consultoria Global Stats. Isso quer dizer que a empresa não fornecerá mais atualizações gratuitas ou lançará novas ferramentas para o software.



A Microsoft deixa de prestar suporte para os usuários de todas as versões do Windows 7 (Enterprise, Enterprise N, Home Basic, Home Premium, Professional, Professional for Embeded Systems, Professional N, Starter, Starter N, Ultimate, Ultimate for Embeded Systems, Ultimate N e Home Premium N).


Lançado em 2009, o Windows 7 é o sistema mais presentes em PCs do mundo: roda em 49% desses equipamentos, segundo dados da Global Stats de dezembro de 2014. Com a suspensão de suporte, a Microsoft tenta fazer com que os usuários rumem para o Windows 8.

No ano passado, a companhia apresentou seu mais novo sistema, o Windows 10. Também no ano passado, a maior empresa de software do mundo “aposentou” aquele que era até então o seu sistema mais utilizado, o Windows XP.

A partir de agora, os updates serão feitos apenas para corrigir falhas em aplicações e passam a ser cobrados. Esse tipo de suporte, chamado de estendido, dura até 14 de janeiro de 2020. O objetivo é corrigir problemas de segurança, para que os computadores do usuário equipados com o Windows 7 não sejam alvejados por ataques de hackers.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Só comenta quem é inteligente